Vitrine Online, a melhor informação !

TRANSPORTE PÚBLICO – MULHER IBIUNENSE PEDE “SOCORRO”; APELO ECOARÁ NOS OUVIDOS DA PREFEITURA?

“SOCORRO! Por favor, gostaria de saber com quem devo falar a respeito da nova empresa de ônibus. Mais uma vez a população é prejudicada. Não tem mais horário de ônibus. É o horário que eles querem. Só que o meu horário de trabalho é o mesmo. Moro no Piratuba e trabalho na Ressaca. Chego todos os dias atrasada 1 hora, deveria entrar 8h30 estou chegando 9h30. Quando se questiona, o fiscal que é a única pessoa que você tem para falar ele não sabe responder. Por favor se pudessem me ajudar agradeço.”

Esse dramático apelo foi feito pela leitora de vitrine online Fátima Pivatti às 7 horas da manhã de hoje (9) no Facebook da publicação e deve representar o sentimento de milhares de ibiunenses que há uma semana vêm pagando um preço caro devido à mudança da empresa prestadora de transporte urbano, aparentemente sem que houvesse um planejamento profissional e sem nenhum aviso antecipado à população, que continua confusa e desinformada.

Hoje, pela primeira vez [leia abaixo], a prefeitura se manifesta oficialmente sobre o assunto, depois de um teimoso e estranho silêncio, como se governo não devesse dar explicação à sociedade.

De hábito pacato, alguns cidadãos ibiunenses, incluindo jovens, apedrejaram um ônibus na sexta-feira (6) nas proximidades da rodoviária da cidade. Episódios semelhantes já haviam ocorrido na quinta-feira nos bairros de Paiol Grande e Areia Vermelha, de acordo com informações prestadas por fiscais da Viação Raposo Tavares. Na terça-feira tentou-se derrubar um vidro da janela com chutes.

Essas manifestações são sinais de descontentamento com as falhas do serviço de transportes, sobretudo em relação à falta de uma escala de horário para ser cumprida e demora de chegada dos ônibus. Todos os reclamantes se queixam de estar chegando atrasados em seus destinos.

MANIFESTAÇÕES

Na rodoviária ouvimos hoje cerca de trinta pessoas que ali se encontravam esperando pelos ônibus. Todas se mostraram insatisfeitos com o serviço. Outras postaram mensagens no Facebook da vitrine online:

Roberto Rocha Camargo: “Fico “abestado” é que o povo, nas próximas eleições, elegerão as mesmas pessoas para administrarem a cidade… não entendo isso !!!”

Celia Flores: “Isso ta virando brincadeira. Se não é na Garagem, não é na prefeitura, não é com secretários, não é com os vereadores, ufa!, com quem é que se deve falar sobre esse assunto. Lembrei: Acorda Ibiúna!”

Tatiane Marques: “Tudo está bagunçado. Também já tentei conversar, mas a reposta que tive do fiscal foi a seguinte: “É só esperar no ponto, que uma hora o ônibus passa.” Simples assim. Meu filho também chega atrasado todos os dias na escola.”

Lúcia Rosa: “Ta uma verdadeira merda. O busão do Veravinha novamente, além de ir atrasado, deixou todos os alunos que esperavam na rotatória. Não parou porque estava cheio como sempre. Por que não acordam e mandam 2 busão? De manha aconteceu a mesma coisa. Mandaram  só um, o ponto ficou cheio. É uma vergonha!  Meu filho chegou em casa 15 horas da tarde, ate quando isso continuará acontecendo?”

Vera Lucia:” Bom-dia! É sempre assim, o povo esta pedindo socorro meu Deus, até quando vai ser assim’?

Suéli Wenceislau Wenceislau: “Na hora de cumprir com nossos deveres pagando impostos caros temos que nos ’virar nos trinta’, mas na hora de exigir nossos direitos ninguém faz nada. O que será de nós?”

PREFEITURA EXPLICA

Em nota enviada hoje à vitrine online, a assessoria de Imprensa da prefeitura informa que, de acordo dados da Secretaria de Desenvolvimento Urbano:

“A contratação emergencial do transporte coletivo ocorreu devido a precariedade dos serviços prestados pela empresa anterior, assunto este divulgado muitos vezes por este veículo de comunicação. De acordo com resposta da empresa (Raposo Tavares) contratada à Secretaria de Desenvolvimento Urbano, os horários estão sendo refeitos para melhor atendimento aos bairros. Ainda segundo a empresa, a organização destes horários será finalizada e encaminhada à Secretaria ainda nesta semana.Informamos que as medidas estão sendo tomadas para melhor atender a população que necessita do transporte público de qualidade.”

BANHEIROS

 

Hoje, enquanto fotografávamos o movimento na rodoviária, fomos procurados por algumas pessoas para que víssemos a situação dos banheiros feminino e masculino ali existentes. De cara, o mau cheiro é insuportável e causa náuseas imediatamente, além da visível sujeira, vasos cheios e partes precisando reparos. Embora tenhamos fotografado os dois banheiros, pedimos a compreensão dos leitores por publicar apenas algumas, para não causar nojo com as demais imagens. Trata-se de uma situação que causa repugnância. E certamente espantaria muitos turistas. (C.R.)

Comentários