Vitrine Online, a melhor informação !

EDITORIAL – POPULAÇÃO DE IBIÚNA PRECISA REVER O COMPORTAMENTO DOS SEUS POLÍTICOS

O episódio sintomático e lamentável ocorrido na sessão de ontem (3) na Câmara Municipal reflete a cultura e o clima políticos reinantes no município e precisam ser revistos pela população.

É o povo que, através do recolhimento dos impostos, paga seus salários e não vê o retorno à altura em serviços e obras públicas necessários.

Tanto os que ocupam cargos no Executivo quanto no Legislativo são servidores públicos e têm obrigações constitucionais a cumprir para os munícipes.

É admissível que ninguém seja perfeito ainda que procure sê-lo. Humanos, todos estão sujeitos a cometer falhas e equívocos, mas é indispensável que hajam com lisura, honestidade e humildade, não façam coisas erradas, como pensar e agir por ambições e interesses pessoais, contrárias às expectativas do povo.

O cenário percebido mostra que os políticos e os cidadãos vivem em uma gangorra, em que na maior parte do tempo os primeiros permanecem do lado elevado, enquanto a sociedade é mantida rente ao chão.

Um equilíbrio mínimo precisa existir nas relações mútuas para evitar que seja tomado um caminho sem volta em direção aos caos, na forma da mais absurda e absoluta descrença nas instituições e nos seus protagonistas.

Nunca se viu tanto rancor e ressentimentos explícitos nas redes sociais nos corações dos ibiunenses, causados por uma notável insatisfação.

O distanciamento da população dos poderes Executivo e Legislativo atingiu uma proporção generalizada, que poderá balizar, assim esperamos, os resultados nas eleições do próximo ano.

 

 

Comentários