Vitrine Online, a melhor informação !

DEPOIS DO SUSTO E AFLIÇÃO, CAROL NASCE NO DIA DE NATAL, FORTE E SAUDÁVEL

CarolCarol nasceu hoje (25) às 9h05, na maternidade do Hospital Municipal de Ibiúna. Forte e saudável, chegou com 3,595 quilos e 53 cm de comprimento, de cesariana. Giovanna, 11, irmã por parte de pai, está toda feliz, assim como o pai Leandro. A caçulinha Helena, 2, ficou em casa. A mãe Gislaine Vieira Cardoso, 27,  disse à vitrine online à tarde, na hora da visita: “Agora estou me sentindo completa, perfeita, e grata a todos que se preocuparam comigo e com minha família.”

Ontem (24), Gislaine, sentindo dores, e Leandro passaram um apuro inesperado e ficaram assustados. Por volta das 11 horas da manhã foram até a Casa da Gestante para passar pelo médico ginecologista de plantão. Mas ele não compareceu ao trabalho e, por isso não foi atendida. “Nem mediram a pressão arterial dela”, comentou lamentando o marido.

[Nesse dia, o ginecologista escalado para o plantão não compareceu, na condição de contratado da DRO LAB Serviços de Saúde, por sua vez contratada da prefeitura, mas hoje (25), o mesmo médico compareceu ao plantão, como contratado pela Prefeitura de Ibiúna e foi ele quem realizou o parto.]

Na quinta-feira (24), portanto, faltou médico ginecologista tanto na Casa da Gestante quanto no Hospital Municipal, por se tratar do mesmo profissional. Então, Gislaine somente seria atendida ali se o parto fosse normal [não foi] e realizado por enfermeiras-parteiras. Leandro, em companhia do repórter de vitrine online, compareceu na tarde de ontem na Casa da Gestante e foi informado pela coordenadora da Maternidade que se o parto tivesse que ser feito ontem, Gislaine seria transferida para outro hospital da região.

Leandro saiu preocupado e informou que iriam passar a noite de Natal na casa das irmãs de sua mulher, no bairro do Gabriel. Já haviam voltado para casa, quando, por volta das 00h30 de hoje, apareceu em frente ao portão, no Jardim Áurea, onde também se localiza o Hospital Municipal, o carro de resgate do SAMU, com um condutor e um socorrista. “Estranhei esse fato – comentou Leandro – porque nós não havíamos chamado o resgate.”

Coincidência ou não, fato é que vitrine online, em seu Facebook, publicou notícia sobre esse fato e o próprio Leandro postou um pedido de ajuda nas redes sociais, pois queria que o dilema que estava passando com sua mulher, que sentia dores intermitentes, fosse resolvido.

O responsável pelo resgate do SAMU explicou que iriam leva-la à maternidade, mas teria que ser naquele momento, a fim de que ficasse internada e fosse atendida pelo médico ginecologista logo cedo. Nesse momento, Gislaine disse que sentia dores e seguiu na ambulância do resgate. Leandro continuava preocupado com a situação da mulher e que já estava preparado para levá-la para o hospital de Cotia, caso ela entrasse em trabalho de parto. Mas isso, como se viu, não foi necessário.

Felizmente. A história que estava seguindo um rumo cada vez mais preocupante teve um final e um começo felizes. Está aí a Carol, nascida no dia de Natal, forte, bela e saudável.

CASA DA GESTANTE

A Casa da Gestante, sem dúvida é uma iniciativa elogiável da prefeitura de Ibiúna. A reforma e melhorias ali realizadas criaram um ambiente agradável, limpo e acolhedor, e foram entregues em solenidade no dia 6 de novembro de 2015.

Na placa inaugural de bronze lê-se: “Ser mãe é assumir de Deus o dom da criação e do amor incondicional”. Quem conversou com a mamãe Gislaine, depois que o medo e o susto passaram, pode confirmar a verdade desse pensamento.

Agora, é imprescindível que, além do importante espaço oferecido à mulher ibiunense, haja um padrão no atendimento, o que inclui a presença no trabalho de médicos contratados ou substitutos à altura, quando, por razões até compreensíveis, um médico pode não comparecer ao serviço.

EMPREGO PARA LEANDRO

Leandro Manoel Ferreira da Silva, 36, pai da Carol, está procurando emprego. Ele tem formação em curso de brigadista, com especialidade em eventos, em diversos dos quais já trabalhou; mas também pode atuar como auxiliar em linha de produção ou em outras atividades, pois precisa sustentar a família, agora com uma nova bebezinha para  cuidar.

Vitrine online pede a quem puder oferecer uma oportunidade para ele, que entre em contato pelo e-mail vitrinesp@gmail.com.

 

 

 

 

Comentários