COVID-19 – IBIÚNA CHEGA A 104 ÓBITOS DESDE O INÍCIO DA PANDEMIA

O boletim epidemiológico divulgado na noite de hoje (17) pela Prefeitura informa que 104 pessoas foram a óbito em Ibiúna desde o início da pandemia por coranavírus. Há dois óbitos suspeitos, 7 casos suspeitos internados e 122 pessoas em isolamento domiciliar e 2.185 casos positivos. 37 pessoas aguardam o resultado de exame.

Até hoje tomaram a primeira dose da vacina antiviral 15.185 pessoas e a segunda dose, 8.271.

É oportuno lembrar, sempre, que a população deve se proteger usando máscaras faciais, desinfetar as mãos com álcool em gel, lavar as mãos constantemente com sabão, manter distanciamento e isolamento social.

Igualmente é importante que, tendo em vista as variantes do vírus e o risco de contaminação, que as pessoas adotem as medidas de prevenção porque, nesse caso, é melhor prevenir do que remediar ante uma doença ainda extremamente perigosa e traiçoeira.

Veja abaixo o quadro do boletim epidemiológico.

Carlos Rossini

Carlos Rossini é jornalista, sociólogo, escritor e professor universitário, tendo sido professor de jornalismo por vinte anos. Trabalhou em veículos de comunicação nas funções de repórter, redator, editor, articulista e colaborador, como Folha de S. Paulo, O Estado de S. Paulo, Diário Popular, entre outros. Ao transferir a revista vitrine, versão imprensa, de São Paulo para Ibiúna há alguns anos, iniciou uma nova experiência profissional, dedicando-se ao jornalismo regional, depois de cumprir uma trajetória bem-sucedida na grande imprensa brasileira. Seu primeiro livro A Coragem de Comunicar foi lançado na Bienal do Livro em São Paulo no ano 2000, pela editora Madras.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *